Criei uma página no LinkedIn. E agora?

O LinkedIn é um dos social media mais importantes para as relações públicas e para o mercado profissional no geral. O principal objectivo é precisamente desenvolver uma rede de contactos profissionais e participar numa partilha de conteúdos focados nas profissões e nas organizações, nomeadamente ao nível das ofertas e procuras de trabalho.

As páginas pessoais são de extrema importância para os profissionais de relações públicas pois permitem estabelecer contactos profissionais com colaboradores e quadros superiores de todas as empresas, e simultaneamente com jornalistas e figuras importantes para determinados contextos, situações ou eventos. Permitem conhecer os organogramas das empresas e um acesso rápido a um conjunto de informações ao nível dos interesses, competências e experiência de profissionais que muitas vezes não se encontram disponíveis de outra forma, e  que facilitam a aproximação e a criação de parceiras e sinergias.  Do ponto de vista de um RP como profissional de comunicação são também uma forma de encontrar novas oportunidades, expor as competências e criar oportunidades profissionais. Para além da construção de um perfil completo, coeso e adaptado à formação e experiência profissional, e a publicação de conteúdos pertinentes e idealmente próprios e originais (sendo que a partilha do trabalho dos contactos é também uma boa prática), as conexões destacam-se com o ponto-chave do LinkedIn, e a interacção com os membros, congratulação pelos seus feitos e atribuição de pontos de competências são as regras básicas da utilização deste social media. O artigo da Forbes “How to use Linke In: 5 smart steps to career success” resume estas práticas, acompanhando com alguns dados úteis sobre o Social Media.

Por outro lado, do ponto de vista das organizações e da comunicação empresarial destacam-se as company pages. Uma ferramenta de grande importância que permite à organização  actuar em três vertentes: Promoção de valores, produtos e serviços, comunicação da empresa nos social media e definição da sua posição, participação e interacção com grupos profissionais.

Primeiramente, uma boa company page deve constantemente complementar o seu perfil com eventos e marcos importantes para a actividade e história da organização, que reflictam os valores e prioridades estabelecidos. Deve também partilhar novidades e updates dos produtos e serviços oferecidos. Permite divulgação directa e um cliente ou utilizador pode deixar uma recomendação, atribuindo uma maior credibilidade.

Para reforçar a comunicação distinta da empresa nos social media, para além dos posts adequados é possível criar uma showcase page. As showcase pages têm foco num tema específico, produto ou marca (útil por exemplo no caso de um empresa que possui várias marcas e pretende distinguir as suas páginas, ou para comunicar produtos ou questões específicas) e contribuem para a diferenciação da concorrência e destaque das características.

Quando um cliente compra um produto ou faz um pedido de um serviço, pode deixar a recomendação da sua empresa. Além da divulgação directa, dá também mais credibilidade ao seu negócio. Neste sentido é ainda possível criar LinkedIn ads, tanto para colocar um anúncio como para patrocinar uma actualização, que permitem segmentar o público por sector do mercado, tamanho de empresa, cargo e outras informações que podem ser relevantes para garantir o sucesso no retorno desse investimento.

Relativamente à criação de redes de contactos e gestão das relações profissionais, o LinkedIn tem a vantagem de permitir construir uma reputação e estabelecer relações através de interacções e debates em Grupos de interesse. É importante também que as páginas tenham os funcionários da organização registados, sendo que a interacção destes com as publicações da página contribui para o capital reputacional ao nível do ambiente de trabalho. É possível que na gestão da página e interacções online sejam descobertos potenciais clientes e parceiros. Por outro lado, do ponto de vista do recrutamento o LinkedIn é crucial ao nível das informações extra currículo, que permitem encontrar talentos com o perfil adequado à cultura organizacional e aos seus valores, e que estes contactem também espontaneamente à organização.

Depois de criar uma página no LinkedIn, é necessário a criação de um perfil completo, profissional, que redireccione para o site e outras informações úteis, e destaque a sector de actividade, os produtos e serviços, e a visão a missão e principalmente os valores da organização. É necessário a actualização constante de conteúdos, desde que pertinentes, relevantes e profissionais, e as interacções com os restantes usuários deve ser também ela frequente e constantemente actualizada. É importante utilizar também as ferramentas que o Social Media oferece, tanto ao nível do negócio como da criação de redes de contactos profissionais úteis e de recrutamento. Uma boa página de LinkedIn transparece profissionalismo, valorização dos talentos e criação de valor e boa gestão da comunicação.

To do?

Criar uma boa company page para a organização pretendida;

Actualizar diariamente a página tanto ao nível dos conteúdos como ao nível das interacções;

Acompanhar as novidades das páginas e usuários com ligações profissionais directas ou indirectas;

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s